• Neste mês de maio, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia está completando 204 anos! Confira a história dessa Instituição bicentenária!
  • Todas as segundas e quartas-feiras, a Biblioteca promove gratuitamente duas sessões de cinema, com o projeto "Filme na Biblioteca". Confira a programação!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Horário de Funcionamento

ATENÇÃO!
Fique atento ao horário de funcionamento da Biblioteca no feriado de Corpus Christi:


Dica Cultural: Feira de livros movimenta Campo Grande neste domingo

Feira de livros acontece no Campo Grande. Foto: Lucymar Soares 
A literatura baiana mais uma vez marca presença na Feira Mensal de Livros, da Fundação Pedro Calmon, que ocorrerá neste domingo, dia 02 de junho, das 9h às 17h, na Praça do Campo Grande, no centro de Salvador. Nesta edição serão lançados na mesa da União Brasileira de Escritores-UBE/BA, os livros Coletânea Poética Internacional 13, organizado pelo editor e jornalista Roberto Leal e Celebrando a Música, da escritora Maria Lúcia. Além dos lançamentos, o público encontrará diversas opções de livros, com preços reduzidos, nos estandes das editoras, distribuidores, livreiros e na própria UBE/BA. O prato principal da feira são os livros de autores baianos.

Para tornar o ambiente ainda mais animado, o Grupo Tapuia faz apresentação com releituras das manifestações tradicionais e de canções que retratam a cultura brasileira, levando diferentes ritmos brasileiros como, bumba-meu-boi, baiões, coco e xotes.

A Coletânea Poética Internacional 13 (Ed. Òmnira - 188 páginas) conta com a participação de 10 escritores brasileiros e três angolanos. Os 13 poetas que integral o livro são: Adriana Abreu, Antônio Milton, Antônio Santana, Audelina Macieira, Edival Rosas, Edson Costa, Maria Cavalcante, Mileide Machado, Noeli de Carvalho e Zilda Freitas (Brasil), Felisberto Rolando, João Sanda e Rosalino Van-dúnem (Angola).

“A ideia de produzir o ‘13’ surgiu de um bate papo entre escritores e seu objetivo é homenagear o ano de 2013, que segundo a astrologia será o ano da literatura”, afirma o organizador da obra. Como se trata de uma numeração mística, que vem sempre acompanhada de muito mistério, superstições e lendas; na obra não é diferente: são 13 poetas, que escreveram 13 páginas cada, são apresentados por 13 personalidades que escreveram juntos 13 páginas. E por fim, um total de 13 amuletos da sorte retratam a arte/capa da obra.  

 Celebrando a Música (Ed. Baraúna – 125 páginas) é um mergulho neste universo encantado, onde a autora contempla seus ídolos que tanto influenciaram em todos os sentidos. É como uma fonte que nunca seca matando a sede de saber. Tudo começou com Roberto Carlos, “quando ouvi aquela canção do Roberto (...), depois, com Maria Bethânia, a Abelha Rainha, Gal Costa, a voz que atravessa minha alma, Marisa Monte com a sua voz cristalina e Ana Carolina, a ponte que me levou para o amor; são “As vozes que me emocionam”, diz Lúcia.

Outros autores - Além dos lançamentos, na mesa da UBE, os leitores encontrarão livros dos escritores Valdeck Almeida de Jesus; Morgana Gazel; Carlos Souza Yeshua; Lucymar Soares; Marcelo de Oliveira Souza, José da Boa Morte, com livros e revistas do Movimento Cultural Artpoesia, dentre outros.

Quando: Dia 2 de junho (domingo), das 9h às 17h
Onde: Praça do Campo Grande, Centro de Salvador
Entrada: Gratuita
Informações: (71) 3116 – 6923 / 8122-7231

terça-feira, 28 de maio de 2013

Dica de Leitura: Confira a edição virtual do livro que conta a história da Biblioteca

Clique para ampliar
No mês em que a Biblioteca comemora 202 anos, aproveitamos para indicar a leitura do livro “A Biblioteca Pública da Bahia: dois séculos de histórias”, escrito por Francisco Soares, Laura Carmo, Carmem Aziz e Sisaltina Coelho. Publicado em 2011, quando a Instituição comemorou seus 200 anos, o livro está disponível para download na Biblioteca Virtual 2 de Julho. A obra relata a contribuição dessa bicentenária instituição na democratização do acesso público ao livro e à leitura no país.

Junto com os fatos e falas oficiais, o livro traz o olhar de profissionais que já passaram pela instituição, com versões interessantes sobre a primeira biblioteca pública do Brasil e da América Latina. Através da publicação, será mais fácil compreender porque a Biblioteca Pública comemora aniversário três vezes ao ano, além de recordar os endereços das antigas sedes da unidade e saber um pouco mais sobre sua estrutura interna, além de conferir mais um capítulo da história da Bahia formalmente documentado.

Clique aqui para ter acesso à edição virtual do livro A Biblioteca Pública da Bahia: dois séculos de histórias”.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

VÍDEO "200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História" - Funcionários

Maio é o mês de aniversário da Biblioteca Pública do Estado da Bahia! Como parte da comemoração pelos seus 202 anos, a Biblioteca apresenta o vídeo "200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História", produzido em 2012. O vídeo, dividido em três capítulos, apresenta Colaboradores, Frequentadores e Funcionários, que compartilham suas opiniões e experiências sobre a primeira Biblioteca Pública do Brasil. Confira o capítulo 2:


video

Biblioteca Pública do Estado da Bahia - 200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História

Coordenação Geral: Edwin Neves

Produção: Núcleo Biblioteca Viva
Equipe: Morgana Gama / Silvia Dias / Thaís Caribé / Cleber Fraga / Amanda Julieta

Entrevistados: Amanda Julieta / Antônio Carlos Lobão / Célia Mattos / Daniel Cardoso / Eduardo Borges / Fátima Barreto / Ivanise Tourinho / João dos Santos / Kilma Alves / Raquel Ávila / Renato Caetano de Souza / Ubiratan Castro

Filmagem: 3baías Filmes

Realização: Biblioteca Pública do Estado da Bahia / Diretoria de Bibliotecas Públicas / Fundação Pedro Calmon / Secretaria de Cultura do Estado da Bahia

Dica Cultural: "I Encontro Profissionais Museólogos no Século XXI" tem inscrições prorrogadas

Clique para ampliar
As inscrições para o I Encontro Profissionais Museólogos no Século XXI foram prorrogadas até o dia 28 de maio, data em que começa o evento, que também acontece no dia 29, no Centro de Cultura da Câmara Municipal de Salvador, das 8h às 17h. Promovido pelo Conselho Regional de Museologia 1ª Região (COREM1R), em parceria com instituições como a Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (DIMUS/IPAC), o evento promove mesas redondas que discutem a formação, participação e ação política-cultural dos Profissionais Museólogos em diferentes ambientes profissionais, assim como a memória da profissão.

O encontro contará com a presença dos professores doutores Joseania Freitas e Marcelo Cunha, que apresentam o projeto de Mestrado em Museologia da UFBA, e Mário Chagas, da UNIRIO, que profere a conferência: “10 anos da Política Nacional de Museus e a importância do Profissional Museólogo no século XXI”. O I Encontro Profissionais Museólogos no Século XXI ainda recebe apoio do Centro de Cultura da Câmara Municipal do Salvador, A4 Project – Consultoria e Exposições de Acervos, as Universidades Federais da Bahia, Recôncavo da Bahia, Sergipe, Pernambuco, e o Coletivo Maria Vernissage.

Os interessados devem se inscrever enviando a ficha de inscrição para o e-mail encontrocorem1r@gmail.com. As inscrições só serão efetivadas com a doação de 1 kg de alimento não perecível que deve ser entregue no dia do evento. Confira a programação completa do I Encontro Profissionais Museólogos no Século XXI aqui.

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Exposição "Dia Nacional da Cultura - 5ª Lavagem da BPEB" segue em cartaz na Biblioteca

Foto: Juliana Neri/NBV
No mês em que comemora 202 anos de fundação, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia apresenta a exposição Dia Nacional da Cultura - 5ª Lavagem da BPEB. A mostra segue em cartaz no Foyer da Instituição, até o dia 13 de junho, e na Biblioteca Virtual 2 de Julho, até o dia 31 de maio. A visitação à exposição física é gratuita e pode ser feita de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 21h; aos sábados, das 08h30 às 12h; e aos domingos, das 10h às 16h.

Com fotografias de Alessandra Lori e vídeo produzido pela 3baías Filmes, a exposição apresenta ao público os registros da 5ª edição da única lavagem “profano-literária” do calendário cultural de Salvador, realizada pela Biblioteca em 2012, através do Núcleo Biblioteca Viva. A “Lavagem da Biblioteca Pública do Estado da Bahia” é realizada anualmente em 5 de novembro, em comemoração ao Dia Nacional da Cultura.

Quando: Virtual - até o dia 31/05; no Foyer - até o dia 13/06
Onde: Foyer da Biblioteca Pública do Estado da Bahia e Biblioteca Virtual 2 de Julho
Quanto: Gratuito

Dica Cultural: Cantora Ná Ozzeti se apresenta na Caixa Cultural Salvador

Divulgação
A cantora Ná Ozzeti se apresenta na Caixa Cultural Salvador até domingo, dia 26, sempre às 20h. Nas apresentações, Ná mescla canções marcantes de seus 30 anos de carreira. Os ingressos podem ser trocados por 1kg de alimento não perecível a partir das 14h do dia do espetáculo.

Considerada uma das mais importantes cantoras do país, Ná Ozzetti começou a cantar no grupo Rumo, grupo símbolo da lendária Vanguarda Paulista, em que interpretava com sensibilidade e rigor técnico as canções de compositores como Luiz Tatit, Zé Miguel Wisnik, o irmão Dante Ozzetti, Itamar Assumpção e tantos outros. 

Também participou em CDs de Tom Zé, Zeca Baleiro, Pena Branca e Xavantinho, Orquestra Jazz Sinfônica de São Paulo, trilhas para o ballet do Grupo Corpo – Parabelo (Zé Miguel Wisnik/Tom Zé) e cinema Cabra – Cega (Fernanda Porto), entre outros projetos.

Ao longo de sua carreira, Ná recebeu prêmios como o Sharp, em 1995, pelo lançamento do CD NÁ, nas categorias de “Melhor CD” (produzido por Manny Monteiro) e “Melhor Arranjador” (Dante Ozzetti). Também recebeu o de Melhor Intérprete no Festival de Música Brasileira da TV Globo, defendendo a música “Show”, de Luiz Tatit e Fábio Tagliaferri e o Prêmio Bravo! para o CD “Balangandãs”.

Quando: Dias 22, 23, 24, 25 e 26 de maio, às 20h
Onde: Caixa Cultural Salvador - Av. Carlos Gomes, Centro
Quanto: 1kg de alimento não perecível

quinta-feira, 23 de maio de 2013

VÍDEO "200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História" - Colaboradores

Maio é o mês de aniversário da Biblioteca Pública do Estado da Bahia! Como parte da comemoração pelos seus 202 anos, a Biblioteca apresenta o vídeo "200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História", produzido em 2012. O vídeo, dividido em três capítulos, apresenta Colaboradores, Frequentadores e Funcionários, que compartilham suas opiniões e experiências sobre a primeira Biblioteca Pública do Brasil. Confira o primeiro capítulo:

video


Biblioteca Pública do Estado da Bahia - 200+1: Porque Você Faz Parte Dessa História

Coordenação Geral: Edwin Neves

Produção: Núcleo Biblioteca Viva
Equipe: Morgana Gama / Silvia Dias / Thaís Caribé / Cleber Fraga / Amanda Julieta

Entrevistados: Adailton Poesia / Antônio Barreto / Carlos Barros / Denis Sena / Jussara Mathias / Lucas de Souza / Pedro Pontes ("Desdentado") / Roque Araújo

Filmagem: 3baías Filmes

Realização: Biblioteca Pública do Estado da Bahia / Diretoria de Bibliotecas Públicas / Fundação Pedro Calmon / Secretaria de Cultura do Estado da Bahia

Dica de Leitura: "O Bom Crioulo" e "Devassos no Paraíso"

Devassos no paraíso
No mês de combate à homofobia, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia recomenda a leitura dos livros O Bom Crioulo, de Adolfo Caminha, e Devassos no paraíso: A homossexualidade no Brasil, da colônia à atualidade, do autor João Silvério Trevisan.

Publicado em 1895, Bom-crioulo é um dos primeiros romances brasileiros a abordar abertamente o tema da homossexualidade. Ele foi recebido com um escandalizado silêncio pela crítica literária e pelo público, devido à ousadia de abordagem de temas tabu, como o sexo inter-racial e a homossexualidade em ambiente militar, com uma frontalidade e erotismo pouco usuais para a época.

Devassos no paraíso lança a nova versão de uma obra fundamental para o estudo da homossexualidade no Brasil, publicada originalmente em 1986 e esgotada há quase uma década. O livro aborda a formação dos conceitos de pecado e desvio de conduta em relação à homossexualidade desde o período colonial até os dias atuais, abrangendo as grandes mudanças ocorridas no Brasil, fruto, principalmente da disseminação da Aids, ainda incipiente quando o estudo original foi escrito.

O Setor de Pesquisa e Referência funciona no térreo da Instituição, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 21h; aos sábados, das 08h30 às 12h; e aos domingos, das 10h às 16h. 

Dica Cultural: BTCA promove intercâmbio com bailarina da Cia de Pina Bausch

Morena Nascimento é a primeira convidada do Pílulas Dançadas 
Afinado com o novo momento que vive o Teatro Castro Alves, em vias de iniciar seu processo de requalificação e modernização através do projeto Novo TCA, o Balé Teatro Castro Alves programou um ano de grandes transformações e mudanças em seu processo criativo.  Até o fim de 2013, os dançarinos desta companhia que completou 32 anos de existência, pretendem encampar oito projetos que compõem o programa anual, batizado como Canteiro de Obras, que investe num desejo de aproximar os artistas do BTCA de diversos setores e camadas da sociedade.

Um destes projetos, que estreia no Hospital Martagão Gesteira (Tororó), na manhã desta sexta-feira, 24 de maio, chama-se Pílulas Dançadas, e traz como coreógrafa convidada a dançarina mineira Morena Nascimento, 32 anos, artista integrante da companhia “Tanztheater Wuppertal, fundada pela alemã Pina Bausch (1940-2009), uma das maiores dançarinas e coreógrafas de todos os tempos. Convidada pelo BTCA, Morena permanece em Salvador até esta sexta para, junto com os dançarinos da companhia baiana, criar os solos e coreografias que irão compor a intervenção no Martagão e outros hospitais ao longo do ano.

A ideia deste novo projeto do Balé Teatro Castro Alves, que tem atualmente o paulista Jorge Vermelho como curador artístico, é ocupar e humanizar os espaços do Hospital (desde a rampa de acesso, passando pela recepção, salas de atendimento, setor de pediatria, ambulatório e leitos em geral) com a presença dos dançarinos.

Pequenos solos e duos de dança serão apresentados nos ambientes hospitalares, com o propósito de interagir com o público, principalmente com os pacientes das instituições. Com a consolidação da sua primeira edição no hospital Martagão Gesteira, o projeto ganha forças e seguirá por outros hospitais e asilos durante todo o ano. O Pílulas Dançadas é coordenado pelas bailarinas Mônica Nascimento, Adriana Bamberg e Solange Lucatelli.

CANTEIRO DE OBRAS – Programa Artístico do BTCA em 2013
O programa artístico do BTCA em 2013 foi batizado de Canteiro de Obras. A ideia este ano é cumprir dois grandes objetivos. O primeiro deles é se aproximar e dialogar com diversos perfis e setores da sociedade. O segundo é desenvolver uma autonomia artística por parte dos seus integrantes. Durante o ano, o grupo desenvolve ações das mais variadas, como o projeto O Que Os Olhos Não Veem, O Coração Sente, coordenado pela bailarina Rosa Barreto, que tem investigado maneiras e estratégias para possibilitar que deficientes visuais possam apreciar um espetáculo de dança.

Quando: 24 de maio (sexta-feira), a partir das 9h
Onde: Hospital Martagão Gesteira (Tororó)
Direção: Jorge Vemelho
Coordenação: Adriana Bamberg, Solange Lucatelli e Mônica Nascimento
Participação: Morena Nascimento

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Biblioteca disponibiliza cortesias para concerto da OSBA

Solista Rosana Lamosa é convidada para concerto da OSBA/Divulgação

Em parceria com a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), a Biblioteca Pública do Estado da Bahia presenteia seus frequentadores com pré-convites para o concerto no dia 30 de maio (quinta-feira), que integra a programação da Série Jorge Amado. A apresentação acontecerá na Sala Principal do Teatro Castro Alves e os ingressos custam R$20 (inteira). Os pré-convites, no entanto, são gratuitos e dão direito a um par de ingressos cada, que devem ser trocados antecipadamente na bilheteria do teatro.

Os pré-convites são limitados e os interessados podem solicitá-los pelo telefone (71) 3117-6079 ou pelo e-mail bpebbibliotecaviva@gmail.com, mas é necessário retirá-los no Núcleo Biblioteca Viva (3º andar), na sede da Biblioteca, situada na Rua General Labatut, n°27, Barris, de segunda a sexta, de 9h às 12h e de 14h às 18h.

Neste dia, a OSBA receberá a soprano carioca Rosana Lamosa como solista convida. Ela é presença marcante nos principais palcos da ópera no Brasil e no exterior. Sob a regência do maestro Carlos Prazeres, curador artístico da OSBA, o programa da noite vai destacar dois grandes compositores austríacos: Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791), com a abertura da ópera “As Bodas de Fígaro”; e ainda Gustav Mahler (1860-1911), com a “Sinfonia nº 4 em Sol Maior”.

terça-feira, 21 de maio de 2013

Concurso Cultural "Eu Curto a Biblioteca"


No dia 19 de maio, a página da Biblioteca Pública do Estado da Bahia no Facebook alcançou o marco de 6 mil fãs. Para comemorar, a BPEB lança o concurso cultural "Eu Curto a Biblioteca", que vai presentear com um kit de livros quatro amigos que ajudam, cada vez mais, esta Instituição bicentenária na sua missão de compartilhar o conhecimento.

Para participar do concurso cultural, o interessado deverá enviar uma frase respondendo a seguinte pergunta: "Por que você curte a Biblioteca Pública do Estado da Bahia?". Cada participante poderá enviar apenas 1 (uma) frase, juntamente com seu nome completo e número de RG, para avaliação do Núcleo Biblioteca Viva. As frases deverão ser enviadas para o e-mail bpebbibliotecaviva@gmail.com, de 21 de maio até às 23h59 de 31 de maio de 2013.

Os autores das quatro melhores frases levarão um kit contendo três livros para casa. O resultado do concurso cultural será divulgado no Blog da Biblioteca, na sua página no Facebook e no seu perfil no Twitter no dia 04 de junho de 2013, às 15h. Clique aqui para ler o regulamento.

Regulamento - Concurso Cultural "Eu Curto a Biblioteca"


Regulamento
1. O Concurso Cultural “Eu Curto a Biblioteca” da Biblioteca Pública do Estado da Bahia no blog têm caráter exclusivamente cultural e não está, portanto, sujeito a qualquer espécie de cobrança ou à necessidade de desembolso por parte dos participantes, nem vinculação destes ou dos contemplados à aquisição ou uso de qualquer bem, direito ou serviço.
1.1 Vigência da promoção: esta promoção terá início no dia 21 de maio de 2013 e se encerrará no dia 31 de maio de 2013.
1.2 Nos dias 03 e 04 de junho de 2013, ocorrerá a seleção da frase premiada, através da avaliação do Núcleo Biblioteca Viva. No dia 04 de junho, o nome do vencedor da promoção será divulgado no blog, na fan page do Facebook, e no perfil do Twitter da Biblioteca Pública do Estado da Bahia. 

2. Como participar do Concurso Cultural
2.1 Poderão participar deste concurso qualquer pessoa física, maior de 18 anos de idade, portadora de CPF regularizado e que acesse o blog da Biblioteca Pública do Estado da Bahia (www.bibliotecapublicafpc.blogspot.com).
2.2 Para participar do concurso cultural, o interessado deverá enviar uma frase respondendo à pergunta: "Por que você curte a Biblioteca Pública do Estado da Bahia?". Cada participante poderá enviar apenas 1 (uma) frase, com seu nome completo, para o e-mail: bpebbibliotecaviva@gmail.com.
2.3 Cada participante poderá enviar apenas uma frase.

3. Premiação
3.1 O leitor sorteado será premiado com um kit contendo 3 livros.
3.2 O prêmio é individual e intransferível, e em hipótese alguma poderá ser trocado por outro produto/prêmio ou convertido em dinheiro.
3.3 O ganhador será comunicado do resultado do concurso por meio de um e-mail, no qual será solicitado que enviem seus dados cadastrais (nome completo do participante, CPF, endereço, telefone) em até 72h, via e-mail.
3.4 A Fundação Pedro Calmon não se responsabiliza pela correção dos dados fornecidos, bem como por qualquer informação prestada pelos participantes.

4. Prêmio
4.1 Um kit contendo 3 livros de autores baianos.

5. Entrega do Prêmio
5.1 A entrega do prêmio será realizada no prazo máximo de 30 dias, contados da data da apuração, devendo o ganhador apresentar CPF/MF e RG e assinarem um termo de recebimento e quitação do prêmio.
            5.1.1   O prêmio será entregue ao ganhador na BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA, localizada na Rua General Labatut, 27, Barris.
5.2 O direito a reclamação do prêmio extingue-se após o prazo de 180 dias, contados da divulgação do texto vencedor.

6. Disposições Gerais
6.1 Os participantes serão automaticamente excluídos desta promoção, no caso de fraude ou má fé comprovada, respondendo civil e criminalmente por seus atos.
6.2 Caso a BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA venha a sofrer qualquer processo, autuação ou problemas relacionados à violação da legislação vigente pelos participantes, como por exemplo, mas sem se limitar, por plágio ou fraude, o participante responsável se compromete a reembolsar todos os danos (prejuízos e lucros cessantes) diretos e indiretos que venham a ser causados à BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA e a quaisquer terceiros.
6.3 O ganhador autoriza a BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA, pelo prazo de 1 (um) ano contado a partir do término do período de vigência, a fazer uso de seu nome, voz e imagem, sem qualquer ônus para a BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA, para divulgação desta promoção e de seus resultados, em qualquer tipo de mídia.
6.4 É vedada a participação de pessoas jurídicas bem como de funcionários da BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA e da FUNDAÇÃO PEDRO CALMON.
6.5 Todas as dúvidas e/ou questões surgidas da presente promoção serão solucionadas pela promotora da promoção, considerando sempre as normas de proteção ao consumidor em vigor. Das decisões das promotoras não caberá nenhum tipo de recurso.
6.6 A promotora não se responsabiliza por nenhuma falha técnica de transmissão, problemas de acesso à Internet, serviços prestados pelo Blogger ou qualquer caso fortuito ou de força maior que possam impedir a participação do usuário.
6.7 A mera participação nesta promoção caracteriza a aceitação dos termos e condições previstos neste Regulamento.
6.8 Os participantes, ainda, conhecem e aceitam que as Realizadoras não são responsáveis, nem poderão ser responsabilizadas, por qualquer dano ou prejuízo oriundo da participação neste Concurso ou da eventual aceitação do prêmio.
6.9 O presente Regulamento poderá ser alterado e/ou o Concurso suspenso ou cancelado, sem aviso prévio, por motivo de força maior ou por qualquer outro fator ou motivo imprevisto que esteja fora do controle da Realizadora e que comprometa o Concurso de forma a impedir ou modificar substancialmente a condução deste como originalmente planejado.
6.10 Quaisquer dúvidas, divergências ou situações não previstas neste Regulamento serão julgadas e decididas de forma soberana e irrecorrível pela Comissão Julgadora e podem ser endereçados ao e-mail: bpebbibliotecaviva@gmail.com.

Este é um Concurso Cultural, conforme especificado no art. 30 do Decreto No. 70.951, de 09 de agosto de 1972. A distribuição do prêmio deste concurso é GRATUITA. Concurso Cultural promovido pela FUNDAÇÃO PEDRO CALMON.

Dica Cultural: Museu Tempostal promove a exposição "O Bairro do Comércio"

Divulgação
Até 13 de outubro, o Museu Tempostal apresenta a exposição “O Bairro do Comércio”, composta por postais e fotos que retratam a região do Comércio, no trecho da Preguiça até o antigo Mercado do Ouro, da primeira década do século XX até os anos 80. Através de cerca de 100 imagens, a mostra apresenta aspectos históricos, urbanísticos e arquitetônicos do bairro, que foi criado para servir de ancoradouro das naus que traziam insumos de outros países, a exemplo de produtos manufaturados da Europa, e retornavam com o que se produzia por aqui (açúcar, fumo, algodão, madeiras de lei e couro).

Para o historiador Candido Costa e Silva, que assina o texto de abertura da exposição, “esse espaço portuário foi o que pareceu mais conveniente aos que estavam encarregados de decidir. Tomé de Souza procurou dispor de espaços adequados para armazenar materiais de construção, alojar ferramentas e arranchar a mão de obra da cidade que se edificava no alto”. O historiador conta ainda que as transformações urbanas como “a vasta Praça do Comércio” foram decorrentes do tratado de comércio com a Inglaterra (1810) e das franquias comerciais (1814) que resultaram na presença de franceses, ingleses e alemães. Já entre 1840 e 1850, se instalaram na região vários estabelecimentos de crédito como Banco Comercial da Província da Bahia (1845), Sociedade de Comércio da Bahia (1848), Caixa Comercial (1848) e outros.

Esses e outros momentos da história do bairro do Comércio podem ser conhecidos através de imagens na exposição, que fica aberta à visitação de terça a sexta, das 10h às 18h, e no final de semana e feriados, das 12h às 17h.

Quando: Até 13 de outubro de 2013
Onde: Museu Tempostal – Rua Gregório de Mattos, Pelourinho
Informações: (71) 3117-6383
Realização: Museu Tempostal/DIMUS/IPAC
Fonte: Secult/BA

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Confira a programação completa da 11ª edição do curso "Conversando com a sua História"

Clique para ampliar
O curso Conversando com a sua História é voltado para estudantes, professores e pesquisadores de temas sobre  a história da Bahia, com seminários que serão realizados entre maio e outubro, sempre nas segundas-feiras, às 17 horas, na Sala Katia Mattoso – auditório da Biblioteca Pública do Estado, no Complexo Cultural dos Barris.

Promovido pelo Centro de Memória da Bahia, os 20 encontros gratuitos terão como temas assuntos como pós-abolição da escravatura, literatura, história oral, cinema e cultura popular, com mesas de debate integradas professores das universidades estaduais e federais da Bahia. O principal objetivo do projeto é preservar e difundir a memória histórica da Bahia, trazendo à comunidade discussões e abordagens atuais sobre os temas programados.

Na próxima segunda-feira, dia 20, o convidado será o professor Moiseis de Oliveira Sampaio (UNEB), que falará sobre o tema "Francisco Dias Coelho: o coronel negro da Chapada Diamantina".

Confira a programação completa do curso clicando no cartaz.

Quando: Todas as segundas-feiras, entre maio e outubro, às 17h
Onde: Sala Katia Mattoso da Biblioteca (3º andar) - Complexo Cultural dos Barris
Quanto: Gratuito

Dica Cultural: Antônio Rey e a primeira atração do "Projeto Guitarrisimo 2013"

Divulgação
O violinista madrilenho Antônio Rey é a atração do Projeto Guitarrisimo do Instituto Cervantes em Salvador. No dia 22 de maio de 2013, às 19h30, com entrada gratuita, o guitarrista, vencedor do concurso mais importante da música flamenca, o "Giraldillo ao toque" na Bienal de Flamenco de Sevilla 2012, traz para o auditório do Cervantes músicas dos seus últimos álbuns. Os ingressos só serão distribuídos duas horas antes do show, na sede do Instituto, até a lotação de poltronas.

Filho do cantor e guitarrista Toni Rei, Antônio tomou gosto pela música ainda criança, depois de acompanhar seu pai numa turne pelo México. Desde então não saiu mais dos palcos, dedicação que lhe rendeu notoriedade, sendo considerado um dos mais importantes músicos da atualidade na Europa.

Rey faz parte do corpo de artistas do aclamado musical “Flamenco Hoje”, de Carlos Saura. Tem colaborado com os maiores do Flamenco, como Estrela Morente, Vicente Amigo, Diego o Cigala, Miguel Poveda, Manuela Carrasco, Farruquito ou Rafael Amargo. 

Ultimamente tem se apresentado em festivais e salas como o New York City Centre, Festival Internacional de Jazz de Montreal, Festival de Jazz de Madri, Festival Flamenco de Monterrey, Festival de Flamenco de Jerez, Festival Flamenco de Mont de Marsan, Moscow Performing Arts Centre, Adelaide Festival de Austrália, Festival Flamenco de Nimes ou Bienal de Flamenco de Sevilla.

O Projeto Guitarrisimo do Instituto Cervantes tem apresentado ao Brasil os mais notórios artistas da cena flamenca mundial. Sempre gratuito em Salvador, as apresentações como regra tem estado lotadas, com senhas esgotadas semanas antes dos eventos.

Fonte: Instituto Cervantes

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Garanta seu ingresso para a apresentação do grupo Vivavós, no Espaço Xisto Bahia

Clique para ampliar
Participe do sorteio que a Biblioteca Pública do Estado da Bahia (BPEB) realiza esta semana em parceria com o Espaço Xisto Bahia e ganhe ingressos para a apresentação do grupo Vivavós, no próximo dia 21 (terça-feira). Serão dois sorteados e cada um ganhará um par de ingressos para curtir o espetáculo com um convidado. A apresentação começará às 20h e faz parte do Projeto Maio na Música, que acontece desde o início do mês no Espaço Xisto Bahia.

Para garantir seu ingresso, é preciso acessar a página da BPEB no Facebook e localizar o link para o sorteio na aba “Sorteios”. Depois, é só clicar em \\\\\\\"Quero participar"\\\\\\\ e você já estará concorrendo.

As inscrições no sorteio tem início hoje (16) e se encerram às 13h59 do dia 20 de maio de 2013. A seleção dos premiados ocorrerá através do aplicativo Yes! Ganhei, na página do Facebook da Biblioteca Pública do Estado da Bahia. No mesmo dia, o nome do vencedor da promoção será divulgado aqui no blog, na fan page do Facebook, e no perfil do Twitter da BPEB. Antes de participar, leia o regulamento.

Saiba mais sobre o Projeto Maio na Música no blog do Espaço Xisto Bahia.

Setor Infantil exibe filme "Abelhinhas" nesta quinta-feira

Clique para ampliar
Todas as terças e quintas-feiras, o Setor Infantil da Biblioteca exibe filmes para a garotada. As sessões acontecem sempre em dois momentos do dia, às 10h e 15h, com longas que fazem o maior sucesso no mundo infantil. Nesta quinta-feira, dia16, será exibido o longa de animação Abelhinhas. Confira:

16 e 21/05 – ABELHINHAS
Em uma colméia onde as coisas funcionam exatamente da mesma maneira há milhões de anos, vivem Abelardo e Belinha, duas abelhinhas atrevidas que querem mudar um pouco as regras do lugar. Abelardo é um pequeno soldado, que na verdade quer fazer mel. Já Belinha é uma fazedora de mel que sonha em lutar. E o responsável pela produção de mel é um cozinheiro desastroso. Com seu terrível mel, o chefe acaba colocando toda a colméia em risco. Mas juntos, Abelardo e Belinha vão tentar mudar o rumo da guerra e transformar seus próprios caminhos.

Trailler

Clique para assistir

Quando: Nesta quinta-feira, dia 16/05, às 10h e 15h
Onde: Setor Infantil da Biblioteca (térreo)
Quanto: Gratuito

Dica Cultural: 3ª Feira de Museus da Bahia traz novidades para o público

Foto: Lázaro Menezes
No dia 17 de maio (sexta), entre 9h e 17h, 28 espaços museais de diferentes territórios de identidade do estado participam da 3ª Feira de Museus da Bahia, apresentando seus acervos e programas educativos na Praça Municipal de Salvador. Nesta edição, o evento promovido pela Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (DIMUS/IPAC) contará com uma diversificada programação que inclui um Atelier de Restauro, em que os visitantes terão a chance de conhecer as etapas do processo de conservação e restauração de obras, Espaço Expositivo e Espaço Educativo, onde serão realizadas ações destinadas ao público infanto-juvenil.

Ao longo do dia, crianças poderão se divertir e aprender com quatro atividades. O Museu de Arte Moderna da Bahia realiza a ação Museu, o que é?, que visa provocar reflexões e conversas com os participantes sobre este equipamento cultural. O Parque Histórico Castro Alves desenvolve a atividade Sopa de Letras, que consiste na narração de histórias infantis acompanhada de jogos e brincadeiras. O Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica organiza a Oficina de Releitura do acervo de Azulejaria de Udo Knoff, em que serão utilizados materiais recicláveis. Haverá ainda a apresentação do espetáculo de Teatro de Bonecos “A magia dos museus”.

A exposição Museus da Bahia: Identidade e Territórios, que apresenta o perfil dos museus vinculados à estrutura da DIMUS, os quatro espaços museais contemplados pelo programa de apoio a projetos de ações continuadas da Secretaria de Cultura do Estado e as 217 instituições museais mapeadas na Bahia, ficará aberta à visitação no Espaço Expositivo. Este ambiente oferece ainda jogos temáticos e vídeos sobre os museus que integram a feira, a exemplo de “Axé do Acarajé”, do Memorial das Baianas, e “A Cachoeira de Paulo Afonso”, do Parque Histórico Castro Alves.

Réplicas de partes do corpo humano, experimentos de física, química e biologia, jogos de matemática, dentre outros objetos, divulgam a ciência de modo lúdico no Ônibus Ciência Móvel do Museu de Ciência e Tecnologia da UNEB, que também estará instalado na Feira de Museus. O público poderá ainda tirar dúvidas sobre o campo de Museologia com representantes do Conselho Regional da área e da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

A programação artística inclui os grupos Gente do Choro, Arte Trio, de MPB instrumental, e Os Vendavais, de samba de viola, os vencedores do 12º Festival de Declamação de Poemas de Castro Alves, e apresentações de música e dança do Colégio Severino Vieira e do Memorial Kisimbiê, que traz uma interpretação do cordel Acará, de Antônio Vieira. O encerramento fica por conta da Orquestra Museofônica. Confira a lista dos museus que irão participar da Feira.

Fonte: Secult/BA

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Setor de Recursos Audiovisuais exibe filme "Baile Perfumado"

Cena do filme "Baile Perfumado"

Nesta quarta-feira, dia 15, o projeto Filme na Biblioteca exibe Baile Perfumado, dos diretores Lírio Ferreira e Paulo Caldas. Ambientado nos anos 30, o longa brasileiro é um registro da vida no cangaço e conta a história de Benjamin Abrahão, mascate libanês que filmou Lampião e seu bando. A exibição acontece na Sala de Projeção Luiz Orlando (3º andar) e tem entrada gratuita.

Sinopse
O filme apresenta a trajetória de Benjamin Abrahão, um mascate libanês que viveu com intensidade a movimentação dos anos 30 no nordeste brasileiro. Após ter sido, por dez anos, secretário particular de Padre Cícero, vivencia a agitação política da região, aproxima-se dos seus protagonistas e articula uma rede de contatos que lhe permitiu filmar as únicas imagens de Lampião e seu bando. O filme, que registra a vida no Cangaço, é proibido pelo governo de Getúlio Vargas. Os desdobramentos da censura resultam no isolamento de Abrahão e no seu assassinato.

Trailler
Clique para assistir

Quando: Dia 15 de maio (quarta-feira), às 10h e 15h
Onde: Sala de Projeção Luiz Orlando - 3º andar da Biblioteca Pública do Estado da Bahia
Apoio: Locadora Vídeo & Cia. Site: www.locadoravideoecia.com.br

Dica Cultural: Museu de Arte da Bahia promove espetáculo musical “Ver e Ouvir”

Divulgação
Para comemorar o Dia Internacional dos Museus, 18 de maio, o Museu de Arte da Bahia (MAB) promove o espetáculo musical Ver e Ouvir – violino, piano e marionetes, que será realizado nos dias 18 e 19 de maio, com sessões às 15h30 e 17h30. Os ingressos serão distribuídos mediante inscrição, no MAB, devendo ser retirados até quarta (15).

A apresentação, que promete emocionar crianças e adultos, é executada pelo violinista Jerzy Milewski e a pela pianista Aleida Schweitzer, acompanhado com marionetes produzidas artisticamente e manipuladas por Bruno Descaves. Do encontro das marionetes com os músicos, surgiu um pequeno teatro musical, destinado a todas as idades, que oferece entretenimento, humor e educação. As marionetes são controladas por dezenas de fios, repletas de segredos e engrenagem, o que proporciona mais vida e realidade ao show. Entre criação, construção e ensaios, elas consomem, em média, 400 horas de trabalho.

Com duração de 50 minutos, o espetáculo apresenta repertório variado, uma vez que a proposta é percorrer os quatro continentes, interpretando composições de Bach, Gershwin, Venuti, Kreisler, Kroll, Demski, entre outros. E como não poderia ser diferente, no país tropical, a viagem termina com compositores brasileiros.

Na agenda da Semana do MAB, segue até o dia 19, das 10h às 19h, a exposição “Brinquedos que moram nos sonhos – O brinquedo popular brasileiro”. Uma ótima chance para quem ainda não conheceu os 1.500 brinquedos que fazem parte da coleção do fotógrafo David Glat.

Fonte: DIMUS/BA

terça-feira, 14 de maio de 2013

Dica Cultural: Movimento HotSpot apresenta em Salvador projetos selecionados em todo país

Clique para ampliar

Nos dias 24 e 25 de maio, Salvador será palco para um dos maiores festivais de incentivo a talentos criativos de todo o Brasil, o Movimento HotSpot. Durante dois dias o Festival apresenta, no Teatro Vila Velha, com programação extensiva no Passeio Público, trabalhos de música, fotografia, filme, arquitetura, design gráfico, ilustração, cenografia, beleza, moda e design, além de oficinas, palestras, encontros, shows e intervenções artísticas. A programação do Festival é aberta ao público e vai reunir, além dos criativos selecionados em todo Estado, grandes nomes do cenário artístico nacional.

Já estão confirmadas presenças do roteirista, diretor e compositor João Falcão, curador do projeto na categoria Filme e Vídeo; do designer de moda Ronaldo Fraga, curador na categoria ideia e a curadora de design gráfico Mariana Ochs. Carioca, Mariana é apaixonada por tipografia e atua na interseção entre branding e design de conteúdo. Formada na Parsons School of Design em Nova York,  fundou seu escritório modesign em Nova York, especializado em design editorial, e já assinou projetos editoriais no Brasil, EUA e Canadá como as revistas Esquire, Premiere, Popular Science, além das brasileiras Vogue, Casa Vogue e Carta Capital. Quem participar da programação do festival terá chance de se aproximar desses e outros criativos que vão liderar oficinas e rodas de conversa para falar e exercitar a criatividade.

Dividido em várias etapas, o Movimento HotSpot tem duração de aproximadamente um ano e meio e busca conectar essa produção nacional e seus autores com a cidade, criando um elo e uma interessante troca de conceitos e interpretações entre profissionais renomados e iniciantes, entre culturas de diversas regiões do Brasil, entre múltiplas formas de arte e criação. São 303 projetos criativos selecionados em todo país, sendo 16 da Bahia, com propostas nas categorias: arquitetura (1), design (2), fotografia (4), ilustração (2), música (3) e ideia (4). “A premiação é um incentivo, mas o que queremos de verdade com este projeto é dar visibilidade aos trabalhos criativos que o Brasil esta produzindo”, afirma Paulo Borges, idealizador do projeto.

Movimento HotSpot - Em março de 2012, um projeto incentivado pelo Ministério da Cultura, com patrocínio da Vale e da Riachuelo, em parceria com o Sebrae, fez um convite para qualquer brasileiro com criatividade e vontade: “Tire sua ideia da gaveta”.  De lá para cá, o Movimento HotSpot – um processo de busca, exposição e premiação que pretende revelar ao País novos talentos da criatividade em 11 áreas (arquitetura, beleza, cenografia, design, design gráfico, filme, fotografia, ilustração, moda, música e ideia)  recebeu 1642 inscrições pelo portal www.movimentohostpot.com.br.

Fonte: Secult/BA

Cordelista Antonio Carlos Barreto lança livro na Biblioteca

Clique para ampliar
Big Brother Brasil, um programa imbecil e outros cordéis. Assim se chama o novo livro do poeta e cordelista baiano Antonio Carlos Barreto. O livro será lançado nesta quinta-feira, dia 16, às 18h, na Biblioteca Pública do Estado (Barris) e faz parte de uma parceria entre a Fundação Pedro Calmon/SecultBA, por meio da sua Diretoria de Livro e Leitura (DLL), com  a Editora Quarteto, responsável pela publicação.

Nesta nova obra Barreto, que já tem mais de 150 cordéis publicados, reúne uma série de textos, com enfoque para crítica social, tendo como carro chefe o que batiza a coletânea e aborda o reality show da Rede Globo. Ele critica a sociedade, a educação e fala ainda sobre o lugar da mulher na sociedade e também sobre política, tudo com bastante humor. O livro tem 94 páginas e custará  apenas R$ 10,00.

Sobre a importância de publicar um cordel, gênero literário popular geralmente produzido em folhetos, em meio à modernidade da mídia e internet, o escritor diz se satisfazer ao atrair leitores pelo diferencial da sua obra. “Produzir e publicar cordéis me dá a certeza de estar plantando minha semente na sociedade. Sou professor e utilizo os cordéis também para incentivar a crítica social e a leitura dos meus alunos. Assim também é com os leitores, de maneira agradável e bem humorada”, afirma.

Na ocasião do lançamento, o Grupo Tapuia fará uma apresentação com releituras de canções que retratam a cultura brasileira, perpassando por gêneros que vão da música tradicional a estilos como Coco, Baião e Xote. O Tapuia é formado por Luiza Meira (voz e percussão), Tatiana Sales (voz e sanfona), Alex Meira (voz e violão), Neri Góes (baixo) e Alessandro Mônaco (Percussão).

Quando: Dia 16 de maio (quinta-feira), às 18h
Onde: Quadrilátero da Biblioteca (térreo) - Complexo Cultural dos Barris
Quanto: Gratuito

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Centro Digital de Cidadania realiza palestra sobre direitos do consumidor


O Centro Digital de Cidadania (CDC), em parceria com o PROCON-BA, realiza nesta quarta-feira (15) a palestra "Consumidor Cidadão - Direitos Básicos do Consumidor" sobre direitos do consumidor. O evento será realizado na Sala Katia Mattoso, no 3º andar da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, das 14h às 15h30, com o advogado Filipe de Araújo Vieira, com o assessor técnico do PROCON-BA. A palestra é gratuita e oferece 50 vagas com emissão de certificados.

Quando: Dia 15/05 (quarta-feira), às 14h
Onde: Sala Katia Mattoso (3º andar) - Biblioteca Pública do Estado da Bahia
Quanto: Gratuito
Informações: (71) 3117-6038

Exposição de 202 anos da BPEB entra em cartaz na Biblioteca Virtual 2 de Julho


Para celebrar o aniversário de 202 anos da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, a exposição Dia Nacional da Cultura - 5ª Lavagem da BPEB é lançada hoje, dia 13, no Foyer da Biblioteca. A mostra também apresenta versão virtual, que pode ser conferida no site da Biblioteca Virtual 2 de Julho, onde fica em cartaz até o dia 31 deste mês.

Com fotografias de Alessandra Lori e vídeo produzido pela 3baías Filmes, a exposição apresenta ao público os registros da 5ª edição da única lavagem “profano-literária” do calendário cultural de Salvador, realizada pela Biblioteca em 2012, através do Núcleo Biblioteca Viva. A “Lavagem da Biblioteca Pública do Estado da Bahia” é realizada anualmente em 5 de novembro, em comemoração ao Dia Nacional da Cultura.

Quando: Virtual - até o dia 31/05; no Foyer - até o dia 13/06
Onde: Foyer da Biblioteca Pública do Estado da Bahia e Biblioteca Virtual 2 de Julho
Quanto: Gratuito
http://www.bv2dejulho.ba.gov.br

Equipe do VIVA - Núcleo de Produção Cultural 
Edwin Neves - Coordenador de Produção Cultural
Fidelis Tavares  - Produtor Cultural
Silvia Dias - Produtora Cultural
Juliana Neri - Técnica em Assuntos Culturais
Ana Paula Fernandes - Técnica Administrativa
Amanda Julieta - Web Writer
Richard Camargo - Designer

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Dica Cultural: Pesquisadora discute a produção artística do período moderno

Professora realiza palestra no MAM
Essa sexta-feira (10), a professora doutora Rosa Gabriella de Castro Gonçalves participa de um ciclo de conversas no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA) sobre a produção artística do período moderno e as questões colocadas pela contemporaneidade. O encontro é gratuito e acontecerá no Cinema do MAM, das 15h às 17h.

O evento faz parte do projeto Ciclo de Conversas, iniciativa do Núcleo de Arte e Educação do MAM-BA que tem como principal objetivo discutir a arte contemporânea com estudantes, artistas e profissionais da área.

A palestra dessa sexta-feira, cujo tema é “Reinvenção: moderno(s) corpo(s) contemporâneo(s)“, tem caráter dinâmico e propõe um debate com os participantes.

Sobre a convidada
Rosa Gabriella Gonçalves concluiu o doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo em 2006 e, em 2011, participou de um estágio pós-doutoral em História da Arte na Universidade de Stanford. Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal da Bahia e coordena um projeto de pesquisa, de tema “A reflexão acerca da arte contemporânea e os pressupostos modernistas”. Atua na área de Artes, com ênfase em Fundamentos e Crítica das Artes, e também em Filosofia, com ênfase em Estética. Já publicou diversos artigos sobre a produção científica, tecnológica e artístico-cultural e, em 2012, recebeu a bolsa de pesquisa do The Getty Research Institute.

Quando: Sexta-feira, 10/05, das 15h às 17h
Onde: Cinema do MAM-BA
Quanto: Gratuito
Mais informações: (71) 3117 6141 / 6139