• Neste mês de maio, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia está completando 204 anos! Confira a história dessa Instituição bicentenária!
  • Todas as segundas e quartas-feiras, a Biblioteca promove gratuitamente duas sessões de cinema, com o projeto "Filme na Biblioteca". Confira a programação!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Confira as oficinas do mês de junho no Setor Infantil

Clique para ampliar
Lugar de criança também é na Biblioteca. Com muitos livros, brincadeiras e oficinas, o Setor Infantil da Biblioteca Pública convida a turma para uma viagem divertida pelo universo mágico da cultura. Durante o mês de junho, celebrando o meio ambiente e o São João, quatro oficinas farão a festa da garotada, sempre às 15h e com entrada gratuita.

Confira as oficinas:
Dia 06/06 - Árvore da Vida - Confecção coletiva de uma árvore com técnica de mosaico, após leitura sobre preservação do meio ambiente.
Dia 13/06 - Esperando o São João - Confecção de enfeites juninos, com material reciclado, após a leitura de textos.
Dia 20/06 - Nos Tempos do Forró - Evolução comentada dos estilos musicais de São João e a confecção de um painel em homenagem a Luiz Gonzaga. 
Dia 27/06 - No Fundo do Mar - Confecção de peixes com material reciclado, após a leitura de textos sobre estes animais.



terça-feira, 29 de maio de 2012

Por Dentro da Biblioteca apresenta: Setor de Artes

Foto: Amanda Julieta/NBV
Para os amantes das mais diversas expressões artísticas, a Biblioteca oferece os serviços do Setor de Artes, que fica no 3º andar. O Setor possui, atualmente, um acervo de 3.887 livros, 230 catálogos e 15 revistas que falam sobre teatro, música, artes plásticas, fotografia, entre outras linguagens, disponíveis gratuitamente ao público geral de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h.

Com uma média de 55 visitas por mês, o Setor de Artes ainda é pouco conhecido, atendendo principalmente a mestrandos e doutorandos que buscam fontes bibliográficas para suas pesquisas. Além do serviço de consulta ao acervo, o Setor realiza exposições temáticas periódicas, que podem ser conferidas no corredor do 3º andar. Para ter acesso aos volumes, que só podem ser consultados na Biblioteca, basta comparecer à sede, situada à rua General Labatut, 27 (Barris), com o documento de identidade. Não é necessário cadastro. Mais informações: (71) 3117-6069.


segunda-feira, 28 de maio de 2012

Dica Cultural: Debate discute o sensacionalismo na imprensa

Clique para ampliar
Para discutir o real sentido da liberdade de imprensa frente aos excessos cometidos por certos veículos de comunicação, profissionais e entidades de defesa dos direitos humanos realizam nesta quarta-feira, dia 30 de maio, às 9h, o debate “Liberdade de imprensa, sim. Violação de Direitos Humanos, não”. 

Entre as entidades aguardadas para o debate estão: o Ministério Público; a Defensoria do Estado; a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos; a Ordem dos Advogados da Bahia; a Secretaria de Segurança Pública; o Sindicato das Emissoras de TV da Bahia e organizações do movimento social, como o Sindicato dos Jornalistas, Sindicato dos Radialistas, Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra e Conselho Estadual de Comunicação, entre outras.  
A atividade será realizada na sede da Associação Baiana de Imprensa, na Rua Guedes de Brito, n. 01, Edf. Ranulfo Oliveira, Praça da Sé – Centro. 

Quando: Dia 30/05 (quarta feira), às 9h.
Onde: Sede da Associação Baiana de Imprensa (Praça da Sé)
Quanto: Gratuito

"Filmes para o Vestibular" apresenta: O Homem que Copiava

Clique para ampliar
A Biblioteca abre as portas para a sétima arte e convida o público para o projeto Filmes para o Vestibular. Com sessões semanais, que acontecem duas vezes ao dia, a iniciativa é para quem quer se dar bem nos vestibulares das universidades públicas e, claro, para quem não dispensa um bom filme. Esta semana, O Homem que Copiava, do diretor Jorge Furtado. 

Sinopse 

O filme, ambientado na zona norte da cidade de Porto Alegre, conta a história de André, um jovem operador de fotocopiadoras que precisa de 38 reais para se aproximar de sua vizinha Sílvia, por quem está apaixonado. Para isso, é ajudado por Cardoso, empregado de uma oficina, que topa qualquer coisa por dinheiro. Marinês é uma jovem que explora sua sensualidade para ascender na vida, e acaba se identificando com Cardoso. Ele tem uma ideia de copiar notas de 50 reais com a nova maquina colorida que ganha na empresa, mas não conformado e com medo de ser descoberto,decide assaltar um carro forte, conseguindo roubar 2 milhões de reais, e para a sua sorte, ganha na loteria. André vira um milionário, conquista o coração da sua amada Silvia, e juntos com cardoso e Marinês, viajam para o Rio de Janeiro.

Trailler




Quando: dia 30/05, às 10h e 15h
Onde: Sala de Projeção Luiz Orlando (3º andar)
Quanto: Gratuito
Apoio: Locadora Vídeo & Cia – Site: www.locadoravideoecia.com.br

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Conheça o canal da Biblioteca no YouTube!

Em sintonia com o uso cada vez mais intenso das redes sociais, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris) também dispõe de um canal exclusivo no YouTube! Para acessar basta usar como palavra-chave o nome da Biblioteca ou "BibliotecaViva1". Lá você poderá conferir vídeos sobre as diversas ações culturais promovidas pelo nosso espaço, além de vídeos de incentivo à leitura e matérias feitas pela imprensa. 
Para dar início a esse "passeio virtual", convidamos você a assistir agora a matéria feita pela TV Câmara Salvador -  "Adivinha onde é?", sobre os espaços da Biblioteca. Olha só:


SERVIÇO:
Canal da Biblioteca Pública no YouTube: http://www.youtube.com/user/BibliotecaViva1

Dica Cultural: Espetáculo "Domingo no Parque" fica em cartaz até 15 de Junho

A Companhia de Teatro O Cidadão de Papel apresenta o espetáculo Domingo no Parque, inspirada na música de mesmo nome, da obra do cantor e compositor baiano Gilberto Gil. A peça fica em cartaz até 15 de junho de 2012, todas as quintas e sextas, no Espaço Xisto Bahia, (Rua General Labatut, nº27, Barris), sempre às 20h. Com ingressos a preços populares.



O público vai poder conferir toda beleza e poesia presentes nesta nova montagem da Cia, que completará 12 anos de existência. Neste período, foram realizadas sete produções, dentre elas os premiados O Cidadão de Papel e FOME. Desta vez, a Cia traz uma proposta nova e inédita ao adaptar a música de Gil para o teatro, valorizando a dramaticidade que há na obra deste grande artista baiano.

Quando: Até 15/06 (quintas e sextas), às 20h
Onde: Espaço Xisto Bahia, (Rua General Labatut, nº27, Barris) 
Quanto: R$10 e R$5 (meia)
Mais informações: (71) 3117-6155/6156 e http://espetaculodomingonoparque.blogspot.com.br/

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Conheça os convidados do bate-papo "Tirando de Letra - Parceiros da Biblioteca"

No próximo dia 31 (quinta-feira), a Biblioteca recebe algumas personalidades baianas para mais uma edição do bate-papo Tirando de Letra. Em comemoração ao aniversário de 201 anos da Biblioteca, o tema da vez é Parceiros da Biblioteca, onde os convidados falarão sobre sua relação com a Instituição, os livros e a cultura.

O evento acontece a partir das 18h30 no Quadrilátero (térreo) e tem entrada gratuita. No encerramento, a apresentação musical do cantor, compositor, percussionista e artista plástico baiano Peu Meurray.

Quando: dia 31/05, a partir das 18h30
Onde: Quadrilátero (Térreo)
Quanto: Gratuito

Conheça os nossos convidados:

Isabela Silveira
Isabela Silveira - Atriz formada pela Escola de Teatro da UFBA, Isabela é mestre em Artes Cênicas pelo Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas-UFBA, produtora com experiência na execução de projetos de várias linguagens e trabalhou na diretoria de Teatro da FUNCEB como assessora. Atualmente é diretora do Espaço Xisto Bahia.



Roque Araújo

Roque Araújo - Tem 73 anos - dos quais 53 dedicados ao cinema entre Salvador, Rio de Janeiro, Itália, São Paulo e a França. Participou de todas as produções cinematográficas realizadas por Glauber Rocha, além de Redenção (primeiro longa baiano), A Grande Feira, Tocaia no Asfalto, O Pagador de Promessas, Menino de Engenho, dentre outros. Glauber lhe confiou parte do último filme que produziu, A Idade da Terra (1980). Este material deu origem ao filme No tempo de Glauber (1986), produzido e dirigido por Roque Araújo.

Vera Lacerda


Vera Lacerda - Mestre na cultura africana, historiadora, presidente e idealizadora do Bloco Afro e Banda Araketu e do Instituto Educativo e Cultural Araketu. Vera foi a primeira mulher presidente de um bloco em Salvador.




Vovô do Ilê

Vovô do Ilê Aiyê - Antônio Carlos dos Santos é Vovô desde os 9 anos de idade, quando apareceu na escola onde estudava vestindo um paletó. Desde então seu apelido virou referência de luta e resistência da causa negra. O filho de Mãe Hilda Jitolu desafiou estudos e estatísticas. Negro, pobre e sem curso superior, ganhou o mundo ao lado do Ilê Aiyê, o primeiro bloco afro do Brasil, do qual foi o fundador e atualmente é presidente. Em 2009 recebeu a Medalha Zumbi dos Palmares. 





Amélia Maraux
Amélia Maraux - Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (1994) e mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001). Atualmente é Superintendente de Desenvolvimento da Educação Básica na Secretaria de Educação do Estado da Bahia e professora assistente na Universidade do Estado da Bahia. Atua no movimento feminista na Bahia, articulando projetos institucionais em parceria com os movimentos sociais de mulheres.


Peu Meurray
Peu Meurray - Músico, compositor, artista plástico e já tocou e gravou com grandes estrelas da música nacional e internacional como Marisa Monte, Carlinhos Brown, Margareth Menezes, Saul Barbosa, Simone Moreno, Pepeu Gomes e Daniela Mercury. Peu Meurray também possui o Espaço Cultural Galpão Cheio de Assunto, onde comanda o projeto sociocultural de reciclagem e oficinas de música, teatro e artes plásticas com crianças e adolescentes, e faz seus shows com convidados.

Aviso sobre funcionamento da Biblioteca


terça-feira, 22 de maio de 2012

Biblioteca recebe lançamento de antologia poética nesta sexta-feira

Clique para ampliar
A Biblioteca recebe o lançamento do livro “Varal Antológico – 2” nesta sexta-feira (25), a partir das 17h30. Com organização de Jacqueline Aisenman, escritora brasileira radicada na Suíça, a obra reúne poemas de 51 autores brasileiros e portugueses.

No lançamento, estarão presentes os escritores Raimundo Candido Teixeira, Valdeck Almeida de Jesus, Maria Perpétua Freire, Gilma Limongi Batista, José Serra e Jacqueline Aisenman, que aproveitará a oportunidade para lançar o seu novo livro, “Briga de Foice”.  O evento acontece no Quadrilátereo (térreo) e tem entrada gratuita.

Quando: dia 25/05 (sexta-feira), a partir das 17h30
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

Confira a programação do projeto Leituras Públicas


Show de Peu Meurray encerra comemorações do aniversário da Biblioteca

Foto: Divulgação
No último dia 13, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia completou 201 anos de história. Para comemorar, uma festa pra lá de especial: no próximo dia 31 (quinta-feira), a partir das 18h30, a Instituição promove mais uma edição do bate-papo Tirando de Letra e o show de Peu Meurray, cantor, compositor, percussionista e artista plástico baiano.

Em 20 anos de carreira, Peu já gravou com grandes nomes da música nacional e internacional, como Marisa Monte, Pepeu Gomes e o italiano Lorenzo Jovanotti. Para a sua primeira apresentação na Biblioteca, o artista, que já se apresentou em palcos do Brasil e do exterior, traz o seu novo show, Sons Pneumáticos.

Tirando a sonoridade inusitada de tambores feitos de pneus, Peu conta, ainda, com as participações especiais de Márcia Short e Lazzo Matumbi para fazer a festa da Biblioteca. O evento acontece no Quadrilátero (térreo) e tem entrada gratuita.

Quando: dia 31/05 (quinta-feira), a partir das 18h30
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

segunda-feira, 21 de maio de 2012

"Filmes para o Vestibular" apresenta: Deus e o Diabo na Terra do Sol

Clique para ampliar
O projeto Filmes para o Vestibular está de volta e acontece todas as quartas-feiras na Biblioteca, com duas sessões ao dia. A iniciativa é para quem quer se dar bem nos vestibulares das universidades públicas e, claro, para quem não dispensa um bom filme. Esta semana, Deus e o Diabo na Terra do Sol, do cineasta baiano Glauber Rocha.

Sinopse
Manuel (Geraldo Del Rey) é um vaqueiro que se revolta contra a exploração imposta pelo coronel Moraes (Mílton Roda) e acaba matando-o numa briga. Ele passa a ser perseguido por jagunços, o que faz com que fuja com sua esposa Rosa (Yoná Magalhães). O casal se junta aos seguidores do beato Sebastião (Lídio Silva), que promete o fim do sofrimento através do retorno a um catolicismo místico e ritual. Porém, ao presenciar a morte de uma criança, Rosa mata o beato. Simultaneamente Antônio das Mortes (Maurício do Valle), um matador de aluguel a serviço da Igreja Católica e dos latifundiários da região, extermina os seguidores do beato.

Trailler




Quando: dia 23, às 10h e 15h
Onde: Sala de Projeção Luiz Orlando (3º andar)
Apoio: Locadora Vídeo & Cia – Site: www.locadoravideoecia.com.br

Dica Cultural: O Patrimônio Musical baiano no Instituto Geográfico e Histórico da Bahia

Clique para ampliar
Como parte das comemorações do aniversário do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB), o Professor Pablo Sotuyo Blanco apresentará, no dia 24 de maio, às 17h30, um panorama histórico da música na Bahia, apresentando os documentos musicais disponíveis no IGHB. O público poderá descobrir os contextos históricos que deram origem ao acervo musical do Instituto, tais como o Te Deum 2º, de Damião Barbosa de Araújo, executado até o século XX na festa de Bom Jesus dos Navegantes. 

Quando: dia 24, às 17h30
Onde: Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (Piedade)
Quanto: Gratuito

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Dica Cultural: Concerto da Orquestra Sinfônica da Bahia homenageia Jorge Amado

Foto: Divulgação
Na temporada em que comemora seus 30 anos, a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) reservou um concerto especial para homenagear o centenário de nascimento do escritor baiano Jorge Amado (1912-2001). A apresentação acontece no próximo dia 24 de maio, na Sala Principal do Teatro Castro Alves, às 20h.  Sob a regência do maestro Carlos Prazeres, a apresentação terá como solista convidado um dos maiores violinistas da atualidade, o russo Ilya Kaler, interpretando o “Concerto para violino e orquestra em Ré maior, Op. 35”, do compositor russo Tchaikovsky (1840-1893).

A entrada para o concerto custa R$20, mas a Biblioteca disponibiliza pré-convites gratuitos, que podem ser trocados por um par de ingressos até 30 minutos antes do espetáculo. Quem se interessar, pode entrar em contato com o Núcleo Biblioteca Viva pelos telefones: (71) 3117-6041 ou 3117-6079.

Programa:
Guerra-Peixe - O gato malhado
André Mehmari - Viagem de Gabriela
Ilyich Piotr Tchaikovsky - Concerto para violino em Ré maior, Op.35

Quando: dia 24 (quinta), às 20h
Onde: Sala Principal do TCA
Quanto: R$20 e R$10 (meia)
Informações sobre o concerto: (71) 3117-4899 (TCA)




"Conversando com a sua História" acontece esta segunda-feira na Biblioteca

Clique para ampliar
Na próxima segunda-feira (21), o curso Conversando com a sua História traz o professor Robério Santos Souza (Universidade do Estado da Bahia) como palestrante, com o tema “Na luta por direitos: trabalho, conflitos e resistências no pós-abolição na Bahia”. O evento tem entrada gratuita e acontece na Biblioteca (Sala Katia Mattoso, 3º andar), às 17h.

O curso - Promovido desde 2002 pelo Centro de Memória da Bahia, unidade da Fundação Pedro Calmon/Secult, o curso Conversando com sua História  acontece todas as segundas-feiras na Biblioteca Pública do Estado da Bahia e, em sua 10ª edição, se estende até o mês de outubro. Em 2012, o curso inova trazendo um tema a cada mês, que é abordado por um ponto diferente a cada semana.

Quando: dia 21 (segunda), às 17h
Onde: Sala Katia Mattoso (3º andar)
Quanto: Gratuito



quinta-feira, 17 de maio de 2012

Dica Cultural: Conversas Plugadas com Jorge Mautner

Clique para ampliar
No dia 4 de junho (segunda-feira), às 19h30, o Conversas Plugadas Especial leva ao palco principal do Teatro Castro Alves a mistura de literatura e música da obra de Jorge Mautner. Conduzindo um bate-papo com o público, entre poesias e canções, o escritor, compositor, músico e cantor carioca vai contar com a participação de seu parceiro Nelson Jacobina, relembrando histórias que, desde a juventude vivida nos anos 1950, fazem parte do repertório poético e intelectual do Brasil. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na bilheteria do TCA a partir do meio-dia da data do evento, no máximo um par por pessoa.

Quando: dia 04/06, às 19h30
Onde: Sala Principal do TCA
Quanto: Gratuito

Dica de Leitura: 17 de maio

Clique para ampliar
Quinta-feira, 17 de maio. Há quatro anos, morria a escritora paulista Zélia Gattai, radicada na Bahia desde 1963. Esposa de Jorge Amado, ao lado de quem o baiano viveu até os seus últimos dias, Zélia foi a principal memorialista sobre a vida do escritor, narrando, através de seus livros, os acontecimentos vividos pela família.

17 de maio é, também, o Dia Internacional Contra a Homofobia, data escolhida lembrando a exclusão da homossexualidade da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionado com a Saúde (CID). No mundo inteiro, acontecem manifestações que pedem o fim da violência contra os homossexuais.

A Dica de Leitura de hoje é uma dobradinha marcada por esta data, para quem quer conhecer melhor a obra da escritora Zélia Gattai ou deseja aprofundar os conhecimentos sobre homossexualidade e homofobia. Veja alguns livros que podem ser encontrados no Setor de Empréstimo da Biblioteca:

Anarquistas, graças a Deus – de Zélia Gattai

Publicado em 1979 e transformado em minissérie da rede Globo em 1984, Anarquistas, graças a Deus é o livro de estréia de Zélia Gattai e seu primeiro grande sucesso.
Filha de anarquistas chegados de Florença, por parte do pai Ernesto, e de católicos originários do Vêneto, da parte da mãe Angelina, a escritora trazia no sangue o calor de seus livros. Trinta e quatro anos depois de se casar com Jorge Amado, a sempre apaixonada Zélia abandona a posição de coadjuvante no mundo literário e experimenta a própria voz para contar a saga de sua família.

Um chapéu para viagem – de Zélia Gattai

A menina atrevida que conhecemos nas páginas de "Anarquistas graças a Deus" cresceu e se casou com um dos maiores escritores brasileiros. No período contado neste segundo livro autobiográfico de Zélia Gattai, Jorge era também deputado federal pelo Partido Comunista Brasileiro. Um chapéu para viagem começa com o casal viajando para o Rio e termina com sua ida para a Europa. Em cada uma das partidas, Zélia ganha um chapéu, para dar "um toque chique, de mais importância". São histórias do fim dos anos 40, período entre os dois governos Vargas. 

A homofobia tem cura? O papel das igrejas na questão homoerótica – de Bruce Hilton

Neste livro, o autor aborda perguntas difíceis e críticas que os cristãos fazem sobre a controvertida questão da homossexualidade, como:

- e se o verdadeiro pecado não for a homossexualidade, mas a homofobia?
- o que fará a igreja diante das cada vez mais numerosas provas científicas de que a orientação homoerótica não é nem doença nem escolha?
- qual será a atitude das igrejas diante da crescente percepção de que os homossexuais não são "eles", mas "nós", inclusive leigos e clérigos devotos e dedicados - nossos filhos, irmãs e irmãos, pessoas que rezam ao nosso lado na igreja?

Bom-Crioulo – de Adolfo Caminha

Publicado em 1895, Bom-crioulo é um dos primeiros romances brasileiros a abordar abertamente o tema da homossexualidade. Ele foi recebido com um escandalizado silêncio pela crítica literária e pelo público, devido à ousadia de abordagem de temas tabu, como o sexo inter-racial e a homossexualidade em ambiente militar, com uma frontalidade e erotismo pouco usuais para a época.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Dica Cultural: Grafite na Caixa Cultural de Salvador

Clique para ampliar
Nascido no cenário público da cidade, tendo os muros como suporte principal, o grafite conquista novos espaços. Com curadoria de Marco Antonio Teobaldo, a Caixa Cultural de Salvador abre as portas para a arte do baiano Corexplosion e do italiano Lucamaleonte, em uma exposição que vai de 16 de maio a 26 de junho. A entrada é gratuita e o público poderá conferir o trabalho dos artistas de terça-feira a domingo, das 09h às 18h.

Quando: de 16/05 a 26/06 (terça a domingo), das 09h às 18h
Onde: Caixa Cultural (Rua Carlos Gomes, 57, Centro)
Quanto: Gratuito
Mais informações: (71) 3421-4200

terça-feira, 15 de maio de 2012

Dica Cultural: Espetáculo "Olorum" está em cartaz no Espaço Xisto Bahia

Clique para ampliar
Na tradição mitológica da cultura Yorubá, Olorum é o deus supremo que orientou seus filhos, os orixás, para a criação do mundo e dos homens. Para desvendar esse e outros mitos da cultura africana, o grupo Narrativas Teatrais e Audiovisuais - Grupo NITA, abre a temporada de Olorum - Um espetáculo para todas as idades, primeiro trabalho em artes cênicas do grupo. O espetáculo entra em cartaz no Espaço Xisto Bahia (Barris), de 12 de maio a 17 de junho, as sextas-feiras e sábados, sempre às 16 horas. O ingresso custa R$ 8.

Quando: de 12 de maio a 17 de junho (sextas e sábados), às 16h
Onde: Espaço Xisto Bahia (Barris)
Quanto: R$8 e R$4 (meia)
Faixa etária: Livre
Mais Informações: (71) 3117-6155/6156

"Semana de Ação Social" acontece até sexta-feira na Biblioteca

Clique para ampliar
A Semana de Ação Social acontece até a próxima sexta-feira (18) na Biblioteca, com palestras que trazem assuntos de interesse público, como orientações sobre cuidados com a saúde ou como evitar incêndios. Além do acesso à programação informativa, quem visitar a Instituição nesse período poderá medir a pressão arterial, tudo gratuitamente. Confira as atividades:

16/05 (quarta-feira)
10h – Palestra sobre Primeiros Socorros, com o Corpo de Bombeiros da Bahia
15h – Palestra sobre Hipertensão, com o curso de Enfermagem da UNIME

17/05 (quinta-feira)
09h – Palestra sobre Hábitos Posturais e Qualidade de Vida no Trabalho, com o curso de Fisioterapia da UNIME
15h – Palestra sobre Reciclagem e Coleta Seletiva, com o Recicle Já

18/05 (sexta-feira)
09h – Palestra sobre Doação de sangue, plaquetas aféreses e medula óssea, com a HEMOBA
15h – Palestra sobre Reciclagem e Coleta Seletiva, com o Recicle Já

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Festa de aniversário da Biblioteca acontece no próximo dia 31

Clique para ampliar
Ao longo do mês, uma programação especial, com atividades que abrangem as mais variadas expressões artísticas, festeja os 201 anos da Biblioteca e a sua parceria com o povo baiano. O encerramento da programação de aniversário acontece no dia 31 (quinta-feira), com um bate-papo e muita música.

A partir das 18h30, o público poderá conferir mais uma edição do bate-papo Tirando de Letra, com o tema Parceiros da Biblioteca, que traz Isabela Silveira, Roque Araújo, Vera Lacerda, Vovô do Ilê, Amélia Maraux e Peu Meurray como convidados. Em seguida, a música entra em cena. A partir das 19h30, tem a apresentação musical de Peu Meurray, com seu show Sons Pneumáticos e as participações especiais de Lazzo Matumbi e Márcia Short.

Quando: dia 31, a partir das 18h30
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito


"Encontros Setoriais das Artes 2012" começam esta quarta-feira no Espaço Xisto Bahia

Clique para ampliar
Iniciam-se, na próxima semana, os primeiros Encontros Setoriais das Artes 2012, promovidos pela FUNCEB. Os encontros acontecem no Espaço Xisto Bahia, nos dias 16 e 17 de maio (quarta e quinta-feira), a partir das 18h.

Os Encontros Setoriais das Artes são espaços de participação popular, consultas e discussões sobre as políticas e ações desenvolvidas pela FUNCEB, através das suas Coordenações, em cada linguagem artística, reunindo artistas, produtores, representantes das áreas das artes visuais, audiovisual, circo, dança, literatura, música e teatro.


Quando: 16 e 17/05, às 18h
Onde: Espaço Xisto Bahia (Barris)
Quanto: Gratuito

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Espetáculo "Domingo no Parque" tem sessão gratuita para aniversário da Biblioteca

Clique para ampliar
O espetáculo Domingo no Parque, em cartaz no Espaço Xisto Bahia todas as quintas e sextas-feiras até 15 de junho, terá uma sessão gratuita no próximo dia 21. A ação, realizada pela Biblioteca em parceria com o Xisto, faz parte das comemorações do aniversário de 201 anos da Instituição e acontece às 20h.

Domingo no Parque é uma peça livremente inspirada na música homônima de Gilberto Gil e traz os atores Leandro Rocha, interpretando José, Marly Souza, no papel de Juliana, e Pedro Albuquerque, que interpreta João. O acesso ao espetáculo será por ordem de chegada e está sujeito à lotação do teatro, que tem capacidade para 192 pessoas.

O aniversário é da Biblioteca, mas a festa é de todos nós!

Quando: dia 21 (segunda-feira), às 20h
Onde: Espaço Xisto Bahia (lateral da Biblioteca, Barris)
Quanto: Gratuito

Ludmila Rodrigues lança livro de estreia na Biblioteca

Clique para ampliar
Na Biblioteca, autor e público se encontram. Na próxima sexta-feira (18), a Instituição recebe o lançamento do livro O rosto na xícara, obra formada por uma mistura de gêneros que marca a estreia da baiana Ludmila Rodrigues como escritora. O evento acontece no Quadrilátero (térreo), a partir das 18h, e tem entrada gratuita.

Para entrar no clima da obra, um comentário assinado pela escritora Gláucia Lemos, membro da Academia de Letras da Bahia:

"Contos, versos, crônicas, reflexões, prosa poética, gênero não importa. A escritora flui em expressões que se estendem com naturalidade, uma a uma, espontâneas, até constituírem um bloco coeso a se impor pela unidade que autentica a autoria da obra. Não se pode dizer que O rosto na xícara seja um livro escuro; é um livro amoroso, de um doce amor que se ramifica em várias direções, mas seu lirismo se constrói sob leve penumbra por entre a qual esvoaça — às vezes menos, outras vezes mais forte — alguma coisa de mágoa, de perda, de desencanto, quase sempre decodificada da sensação que permanece no espírito do leitor, ao finalizar a maioria dos textos. Entretanto, trata-se de um livro para ser lido e relido inúmeras vezes com prazer imenso, como acontece às verdadeiras obras literárias. A poesia que resulta do desenvolvimento vocabular muito bem trabalhado pela escritora legitima a capacidade criadora de quem vivencia poesia nos estados da alma que pressionam para ser expressos, realizando a comunicação a que estão destinados. Ludmila Rodrigues, neste O rosto na xícara, menos não faz que voltar para nós, seus leitores, a secreta face do seu ser, a face do coração, a face da alma, e, fielmente, cumprir. Tão somente cumprir."

A autora - Ludmila Rodrigues nasceu em 21 de janeiro de 1991, em Salvador, na Bahia. Contista e poeta, teve seu trabalho publicado em antologias e revistas de diversos lugares do Brasil. Em 2012, publica O rosto na xícara, seu primeiro livro  que abrange poemas e prosa poética.

Quando: dia 18, às 18h
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Biblioteca lança “Semana de Ação Social”

Clique para ampliar
No mês de seu aniversário, a Biblioteca agradece pela parceria constante com a população baiana e lança a Semana de Ação Social, oferecendo informações de utilidade pública. De 14 a 18 de maio, o Quadrilátero vai ser espaço de palestras com o Corpo de Bombeiros, os cursos de Enfermagem e Fisioterapia da União Metropolitana de Educação e Cultura (UNIME), a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (HEMOBA) e o Programa Recicle Já Bahia, da Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (SUCAB).

Além disso, quem visitar a Biblioteca nesse período poderá conferir uma exposição de artesanatos feitos com materiais reciclados e medir a pressão arterial gratuitamente, das 9h às 18h.

Quando: de 14 a 18 de maio, das 09h às 18h
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:

16/05 (quarta-feira)
10h – Palestra sobre Primeiros Socorros, com o Corpo de Bombeiros da Bahia
15h – Palestra sobre Hipertensão, com o curso de Enfermagem da UNIME

17/05 (quinta-feira)
09h – Palestra sobre Hábitos Posturais e Qualidade de Vida no Trabalho, com o curso de Fisioterapia da UNIME
15h – Palestra sobre Reciclagem e Coleta Seletiva, com o Recicle Já

18/05 (sexta-feira)
09h – Palestra sobre Doação de sangue, plaquetas aféreses e medula óssea, com a HEMOBA
15h – Palestra sobre Reciclagem e Coleta Seletiva, com o Recicle Já

Dica Cultural: "Leitura de Olhos Fechados"

Clique para ampliar
O Projeto Leitura de Olhos Fechados promove Seminário para discutir a Audiodescrição e suas diversas aplicabilidades e contará com a presença da Professora Patrícia Silva de Jesus (Patrícia Braille), Especialista em Educação Especial, professora de Tecnologias e Educação da UNEB/BA e consultora em editoração de livros acessíveis em formato Braille, DAISY/Mecdaisy e Livro Falado.

Quando: de 15 a 18 de maio
Quanto: Gratuito
Mais informações: www.leituradeolhosfechados.com.br

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Exposição de periódicos raros e valiosos comemora aniversário da Biblioteca


Dica Cultural: Peça "Domingo no Parque" reestreia amanhã no Espaço Xisto Bahia

Clique para ampliar
A Companhia de Teatro O Cidadão de Papel reestreia, em maio, a peça Domingo no Parque, inspirada na música de mesmo nome, da obra do cantor e compositor baiano Gilberto Gil. A peça fica em cartaz de 10 de maio a 15 de junho de 2012, todas as quintas e sextas, no Espaço Xisto Bahia, (Rua General Labatut, nº27, Barris), sempre às 20h. Com ingressos a preços populares.

O público vai poder conferir toda beleza e poesia presentes nesta nova montagem da Cia, que completará 12 anos de existência. Neste período, foram realizadas sete produções, dentre elas os premiados O Cidadão de Papel e FOME. Desta vez, a Cia traz uma proposta nova e inédita ao adaptar a música de Gil para o teatro, valorizando a dramaticidade que há na obra deste grande artista baiano.

Quando: De 10/05 a 15/06 (quintas e sextas), às 20h
Onde: Espaço Xisto Bahia, (Rua General Labatut, nº27, Barris) 
Quanto: R$10 e R$5 (meia)
Mais informações: (71) 3117-6155/6156 e http://espetaculodomingonoparque.blogspot.com.br/ 

Roberto Leal lança “C’alô & outros poemas” na Biblioteca

Clique para ampliar
Nesta sexta-feira (11), a Biblioteca recebe o lançamento do livro C’alô & outros poemas, do jornalista e escritor Roberto Leal. Dentro da programação, que acontece no Quadrilátero a partir das 19h, haverá um recital poético e exposição de livros de autores baianos da Editora Òmnira, além de um coquetel aberto ao público.

A obra tem apresentação do poeta Douglas de Almeida e do jornalista Carlos Souza, com ilustrações de Davi Bernardo, Henry Jaepelt (SC) e Sandro Caldas. C’alô é um relato poético que distingue uma rede de intrigas amorosas, mentiras, confissões, imposições e curiosidades, envolvendo uma suposta milionária de origem judia e um rapaz pobre que busca reconhecimento profissional através dos trabalhos que escreve e publica encarnando um poeta, de personalidade forte.

O conto poético retrata a história de uma mulher que se relaciona com um rapaz, caçado em anúncio de jornal, a qual transforma o cotidiano desse jovem em um inferno. Tudo isso ocorre por causa dos constantes telefonemas apaixonados, dos encontros  que não aconteceram, das suspeitas que não se concretizaram e do amor que não sobreviveu. A mulher do poema é daquelas que quando se ouve pelo telefone, existe um grande perigo de se apaixonar por uma voz, por um rosto que não vai conhecer, por um corpo que não se deixa tocar, por uma mulher que você não sabe quem é, nem o que esconde por trás das suas intenções, das suas facetas e da sua caçada. 

Quando: dia 11, às 19h
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

Biblioteca oferece oficina de fotografia para jovens de 15 a 20 anos

Clique para ampliar
No mês de seu aniversário, a Biblioteca oferece ao público a proposta de enxergar a Instituição sob um novo olhar, através de uma oficina fotográfica para jovens de 15 a 20 anos. Realizada sob a orientação de Alessandra Lori, fotógrafa free lancer com experiência em fotojornalismo e cobertura de eventos sociais e corporativos, a oficina é gratuita e acontece na Sala de Projeção Luiz Orlando, que fica no 3º andar da Biblioteca. 

Para se inscrever, é simples: basta enviar um email para bpebbibliotecaviva@gmail.com, com o nome completo, número do RG e data de nascimento do candidato, que deve possuir uma câmera digital. A oficina oferece 20 vagas e acontece nos dias 16 e 17 de maio, das 14h às 18h. Mais informações: (71) 3117-6041 ou 3117-6079 (Núcleo Biblioteca Viva)

Quando: dias 16 e 17/05, das 14h às 18h
Onde: Sala de Projeção Luiz Orlando (3º andar)
Quanto: Gratuito

terça-feira, 8 de maio de 2012

Dica Cultural: Papo literário comenta obra de Jorge Amado na Biblioteca Anísio Teixeira

Clique para ampliar
A Biblioteca Anísio Teixeira será palco de um papo literário sobre o livro A morte e a morte Quincas Berro Dágua. Nelson Souza, especialista em literatura e educação, conduzirá a palestra que faz parte das comemorações do centenário do escritor Jorge Amado. A palestra acontece no dia 17, às 14h e tem entrada gratuita.

Quando: dia 17/05, às 14h
Onde: Biblioteca Anísio Teixeira
Quanto: Gratuito

Exposição de Wagner Barreto entra em cartaz na Biblioteca


Projeto "Leituras Públicas" recebe Ruy Espinheira Filho

Clique para ampliar
Na próxima quinta-feira (10), a Biblioteca recebe mais uma edição do projeto Leituras Públicas, que tem como objetivo fomentar a leitura através da aproximação entre o público e o autor. 

O convidado da vez é o escritor, poeta e compositor baiano Ruy Espinheira Filho, que falará sobre a sua obra e responderá as perguntas do público, além de ler trechos de contos do seu novo livro e alguns poemas. Com mediação de Carlos Barbosa, o evento acontece no Quadrilátero da Biblioteca, a partir das 17h, e tem entrada gratuita.

O Projeto

Os encontros do projeto Leituras Públicas acontecerão uma vez por mês, até março de 2013, trazendo sempre um escritor diferente para falar sobre sua obra.  Com esta ação, a Diretoria do Livro e da Leitura da Fundação Pedro Calmon/SecultBA pretende fomentar a cultura da leitura de livros na Biblioteca e o reconhecimento da importância do livro na vida do cidadão, que tem a oportunidade de ouvir os autores lendo suas obras e conversar com eles.


Quando: dia 10 (quinta-feira), às 17h
Onde: Quadrilátero (térreo)
Quanto: Gratuito

"Café Científico Salvador" acontece esta quinta-feira na Biblioteca

Clique para ampliar
A Biblioteca recebe mais uma edição do Café Científico Salvador, que, neste mês, traz o palestrante Saulo Carneiro, do Instituto de Física da UFBA. Com o tema “O Nobel de Física de 2011: Um prêmio para a Cosmologia”, o evento acontece na próxima quinta-feira (10), às 18h30, na Sala Katia Mattoso.

Esta edição discutirá o modelo cosmológico moderno e suas principais predições, e como as mais recentes observações astronômicas o vêm confirmando. Com o objetivo de aproximar cientistas e o público comum, o Café Científico Salvador é um projeto científico-cultural realizado pelo Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (UFBA/UEFS), pela Livraria LDM e pela Biblioteca Pública do Estado da Bahia. 

Quando: dia 10 (quinta-feira), às 18h30
Onde: Sala Katia Mattoso (3º andar)
Quanto: Gratuito

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Mostra de vídeo "+ Biblioteca" acontece esta quarta-feira


"Filmes para o Vestibular" apresenta: Baile Perfumado


Clique para ampliar
O projeto Filmes para o Vestibular está de volta e acontece todas as quartas-feiras na Biblioteca, com duas sessões ao dia. A iniciativa é para quem quer se dar bem nos vestibulares das universidades públicas e, claro, para quem não dispensa um bom filme.

Dia 09 – Baile Perfumado - de Lírio Ferreira e Paulo Caldas
Dia 16 – Quanto vale ou é por quilo? - de Bruno Barreto
Dia 23 – Deus e o Diabo na Terra do Sol - de Glauber Rocha
Dia 30 - O homem que copiava - de Jorge Furtado

Sinopse
O filme apresenta a trajetória de Benjamin Abrahão, um mascate libanês que viveu com intensidade a movimentação dos anos 30 no nordeste brasileiro. Após ter sido, por dez anos, secretário particular de Padre Cícero vivencia a agitação política da região, aproxima-se dos seus protagonistas e articula uma rede de contatos que lhe permitiu filmar as únicas imagens de Lampião e seu bando. O filme, que registra a vida no Cangaço, é proibido pelo governo de Getúlio Vargas. Os desdobramentos da censura resultam no isolamento de Abrahão e no seu assassinato.

Trailler



Quando: Todas as quartas-feiras, às 10h e 15h
Onde: Sala de Projeção Luiz Orlando (3º andar)
Apoio: Locadora Vídeo & Cia. Site: www.locadoravideoecia.com.br

Você faz parte dessa História!

Foto: Amanda Julieta/NBV
Quem entrar na Biblioteca até o final do mês vai encontrar uma instalação, no mínimo, curiosa: uma tenda misteriosa elaborada com seis paredes móveis chama a atenção de quem passa no Foyer. Ao chegar mais perto, é possível ouvir algumas vozes que saem de lá. O que será que tem lá dentro?

Pode entrar sem medo. A espera, algumas cadeiras diante de uma projeção, em uma exposição comemorativa de 201 anos. No interior, o vídeo 200+1: PORQUE VOCÊ FAZ PARTE DESSA HISTÓRIA é passado durante todo o dia, ininterruptamente, com depoimentos de frequentadores, colaboradores e funcionários da Biblioteca. As declarações, por vezes inusitadas, passeiam pelo humor, pela emoção e estão recheadas de delicadeza e espontaneidade. Um belo presente para quem já passou por bombardeio, incêndio, demolição e, ainda assim, não se cansa de oferecer cultura ao povo baiano. O vídeo é só mais uma expressão da parceria constante entra a Biblioteca e seu público, que ajuda a construir essa história bicentenária todos os dias.

Quem der uma paradinha para prestigiar a exibição ainda poderá deixar a sua mensagem escrita em uma das paredes disponíveis. Dirigido por Amina Alakija, o vídeo pode ser conferido de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 21h, aos sábados, das 09h às 12h, e aos domingos, das 10h às 16h. Mais informações: (71) 3117-6079 ou 3117-6041 (Núcleo Biblioteca Viva).


Quando: de 04 a 31, de seg. a sex. das 8h30 às 21h; aos sáb., das 8h30 às 12h; e aos dom., das 10h às 16h
Onde: Foyer
Quanto: Gratuito

Agenda Cultural Maio/2012

Clique para abrir